segunda-feira, 15 de setembro de 2008

[ "Anti" - Campanha Eleitoral ] A luta pela anulação da anistia e abertura dos documentos.

O debate sobre abertura dos documentos da ditadura militar brasileira(1964-85) está cada dia mais forte. Um exemplo é carta do CALHEV sobre o tema, leia clicando aqui. Uma outra visão é a carta em defesa dos militares fascistas que foi publicada no Jornal A notícia de hoje. leia clicando aqui.

Em relação a carta do defensor da Ditadura Militar Brasileira tem a frase final que é "Seria interessante que o futuro professor olhasse para os dois lados da história." O autor da carta está por fora do debate nacional sobre o tema, tanto no campo do Movimento Nacional de Direitos Humanos, outros movimentos sociais e até mesmo ONU.

Acredito que todos-as defensores-as da abertura dos documentos da ditadura militar brasileira (1964-85) poderão ampliar o debate e promover essa vitória acima das armas, perseguições, prisões, torturas e mortes da recente história brasileira. Enquanto não curarmos essas feridas históricas continuaremos a viver com as permanências das práticas do regime militar.

Nenhum comentário: