terça-feira, 6 de janeiro de 2009

O mundo editorial e o meu desejo.

Eu gostaria muito de trabalhar no mundo editorial. Sabe, viver pelo menos oito horas inserido no mercado de trabalho do mundo dos livros. Buscando esse desejo tentei organizar uma simples livraria virtual com livros ligados aos movimentos sociais, teoria e prática socialista, história e afins. Infelizmente o projeto foi para o brejo.


Por conta do Grupo de Estudos das Idéias e Práticas Anarquistas mais uma vez estarei envolvido com um projeto de livraria, mas agora direcionada a propagando e estudos do anarquismo. Em breve estará circulando as informações do projeto da Livraria Libertária.


Por enquanto informo que um projeto de fato ligado ao mundo editorial e diretamente voltado ao anarquismo é o lançamento do livro “A concepção libertária da transformação social revolucionária” escrito por Rudolf de Jong saiu pela Editora Faísca, que durante a preparação e acabamento do livro estive envolvido. Sinceramente, meu papel não foi nada demais, mas para mim teve uma validade tremenda e fiquei feliz em contribuir diretamente na publicação de uma obra de grande importância na formação teórica do anarquismo em língua portuguesa.

Nenhum comentário: