quinta-feira, 11 de junho de 2009

Três notas curtas


Nota 01

O meu primeiro encontro com Guto Lacaz foi lendo a revista “Caros Amigos” e com o passar dos anos percebi que seus trabalhos de ilustrações se faziam presente em revistas como a “Chiclete com Banana” e alguns livros voltado para a educação popular.


Então, fazendo a minha leitura matinal do Jornal A notícia fico sabendo da presença de Guto Lacaz por Joinvas. Será na próxima segunda-feira, 15 de junho, às 20 horas, no auditório da Casa da Cultura. A entrada será franca. Eu não vou, já que é o horário do meu trabalho. Que saco.


Nota 02


Ontem encontrei o Jacson Almeida, estudante de jornalismo do IELUSC, que comentou do seu novo trabalho. Agora é jornalista no jornal A Gazeta de Joinville, onde estará acompanhado de outros dois novos jornalistas de qualidade, Leonel Camasão e Sared. Isso foi massa de saber por duas razões:


A – ver a alegria contagiante no Jacson.

B - e que o tom do jornalismo da Gazeta terá mais qualidade nas escritas e nos olhares.


Nota 03


Hoje é feriado religioso, o tal do Corpus Christi, e nas Escolas da rede do Estado de Santa Catarina até a noite de terça-feira estava tudo certo que a sexta-feira não haveria aula. Porém, o nosso governador resolveu punir a classe dos professores. A razão é que o SINTE está pressionando o governo do Estado para aumentar o salário e até pensando em chamar uma greve. Aí, da-lhe represaria governamental!!!

Agora, fica a reflexão: um governador que tem postura "vou tirar o doce da boca das crianças" em relação a educação, por isso como acreditar que a gestão da educação no Estado de Santa Catarina funciona?

Um comentário:

Bruno B. disse...

a classe dos servidores do administrativo também se fudeu, uma grande parte tem que se fuder,
mas não é o caso.